A partir do momento em que o Verão se começa a aproximar, é habitual os media indicarem os títulos de livros que merecem ser lidos. Também aqui se apresenta uma sugestão genérica de leitura. Além de livros, vale a pena levar para férias alguns jornais e revistas que alunos e professores realizaram ao longo do ano lectivo.
Exceptuando raríssimos casos, a imprensa generalista desistiu de pensar nos leitores mais novos. É um pequeno milagre encontrar num diário ou num semanário um espaço que chame a atenção de crianças e jovens. Também por esta razão, a imprensa escolar se torna relevante.
Oferecendo a possibilidade de conhecer não apenas pontos de vista diferentes sobre temas conhecidos, mas também de reparar em temas frequentemente ignorados, a imprensa escolar merece ser incluída na bagagem de férias.
Nela nunca falta o Mar da Palha, o jornal do Agrupamento de Escolas Emídio Navarro, Almada, dirigido por Luís C. Maia. Para além de tudo, o Mar da Palha cuidou de retratar para memória futura o modo como a crise mundial de saúde pública foi vivida nas escolas. Para ler e, portanto, para guardar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *